quinta-feira, 29 de setembro de 2011

Circuito Cultural das Praças tem 19 atrações neste final de semana


Reggae, Rock, afoxé e ciranda sã o alguns d os ritmos que marcam a volta do ‘Circuito Cultural das Praças’ nesta sexta-feira (30). No sábado (1º), o projeto continua com apresentações em horários variados – 17h, 19h e 22h. A realização é da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope).

Para esta edição do projeto foram selecionadas 268 propostas das áreas de música, cultura popular, artesanato, audiovisual, literatura, artes integradas, teatro e circo, além de dança. A nova temporada foi aberta em 9 de setembro, com os shows do DJ Guirraiz e de Totonho e os Cabras. Todas as 432 apresentações programadas seguem até fevereiro de 2012, nas praças revitalizadas e construídas pela Prefeitura de João Pessoa.

Ipês – a cantora e compositora baiana Marianne Gypsy vai se apresentar na Praça Coriolano Coutinho, no Bairro dos Ipês, a partir das 19h. No repertório, ela traz músicas de sua autoria, no estilo reggae roots, como “Oh Ah”, “Bob Marley”, “Mundo Cão”, “Sum Sum Sum”, “Brasil”, “Egoísmo”, “Maria Clara” e “Vento Selvagem”. Durante sua performance, também estão composições de outros grupos e artistas, a exemplo de Bob Marley, Edson Gomes, Jacob Muller, Tribo de Jah e Alfa Blonde.

Varadouro – A Banda Gauche vai levar rock, psicodelia folk-pop dos anos 60 e tendências retro-progressivas para o público da Praça Antenor Navarro, no Centro Histórico da capital, a partir das 22h. Nesse balaio de tendências, podem ser citado como referência grupos como Violeta de Outono, Moto Perpétuo, Echo and The Bunymen, Byrds e Mopho.

As músicas que serão tocadas pelos integrantes fazem parte de dois EPs já lançados, a exemplo de “Teatro de Serafins”, “Mar de Atlântida”, “Brilho” e “Mágica”, sendo todas do vocalista, violonista e tecladista Bruno Sérgio. Na formação, estão ainda Diego Carvalho (baixo e backing vocals), Luís Venceslau (guitarra) e Paulo Alves (bateria).


Rangel – O Afoxé Ya Sobha será a atração da Praça da Amizade, a partir das 18h. Essa será a primeira apresentação do grupo, que está conseguindo em prática sua proposta com o apoio do projeto ‘Circuito Cultural das Praças’. São cerca de 15 integrantes que objetivam resgatar as raízes africanas, por meio do afoxé, considerada uma expressão rara na Paraíba. Os participantes vão entoar cânticos aos orixás, em uma simbologia de resistência à escravidão. Os dançarinos e cantores se apresentam de branco e o ritmo é marcado pelos batuques de instrumentos como atabaque, agogô, maraca e jaqueta. A expressão “Ya Sobha” significa “A mãe de todas as cabeças”. O nome faz referência a Iemanjá do terreiro de Ilê Axé Ya Sobha, que fica localizado no loteamento Nova Mangabeira, em Paratibe, João Pessoa. O local faz parte da Nação Nagô, que é uma ramificação do candomblé.

Bancários – A Banda Bárbara, que se apresenta nos Bancários, a partir das 19h, surgiu em 2007, na cidade de João Pessoa. A iniciativa foi de Carol Jordão, atual vocalista, juntamente com Angel Lacerda, que na época era a baixista. Em outubro de 2010, o grupo lançou seu primeiro álbum, intitulado “Drama, Afeto e Rejeito”. A proposta é expandir a cena do rock feminino, valorizando o trabalho autoral. A maior parte do repertório do show é autoral, incluindo algumas inéditas, como “Ampulheta (Luana Lucena)”. Também haverá interpretações de alguns artistas conhecidos, a exemplo de Rita Lee. As integrantes são Carol Jordão (vocal), Débora Gil (guitarra), Luana Lucena (bateria), e Mynne da Rosa (baixo).

Mangabeira – Na Praça Coqueiral, quem sobe ao palco a partir das 19h é a Nau Catarineta Feminina. O folguedo é uma expressão popular que retrata a prisão e libertação dos tripulantes pelo comandante da Fortaleza do Dio. Os vencedores foram os portugueses, em uma luta contra os espanhóis. No contexto original, a brincadeira é composta por homens e tem apenas uma personagem feminina, a Saloia. Já a Nau Catarineta Feminina surgiu de um grupo de mães cristãs. A primeira performance aconteceu em 25 de novembro de 1992, na Fortaleza de Santa Catarina, em Cabedelo.

Tambaú – Quem vai animar a Feirinha de Tambaú a partir das 19h é Penha Cirandeira. A artista da cultura popular começou tocando ciranda na usina Santa Helena, junto a seu pai Zé Cirandeiro. Ela é natural de Alagoa Grande, mas também já morou em Sapé. Atualmente, ela reside em Várzea Nova, onde trabalha no roçado. Ao lado da zabumba de Seu Cícero, Penha conhece muitos cantos tradicionais e também sabe fazer improvisos. Possui intimidade indiscutível com os ritmos da ciranda e do coco, sendo marca de sua personalidade a voz forte e renitente. Participou do filme “Serena Serená: os caminhos do coco de roda e da ciranda na Paraíba”, de Lorena Travassos. Do roçado ao palco, Penha Cirandeira é certamente um dos ícones mais representativos da cultura popular paraibana.

Manaíra – A partir das 19h, a Divina Comédia Humana se apresenta na Praça do Skate. A banda foi formada em 2007, trazendo nas letras e ritmos de suas composições o estilo Rock and Roll. Depois de gravar um single, o grupo paraibano lançou o primeiro CD, intitulado “Tubo de Ensaio”. Na formação, estão Anderson Oliveira (vocais/guitarra), Fabrízio Soares (guitarra), além dos músicos adicionais Ilberto Canuto (baixo) e Roberto Marques (bateria).

Cidade Verde – Na Praça João Balula, quem se apresenta a partir das 19h é o grupo Cirandeiros do Vale do Gramame. Com suas zabumbas de corda, caixas e ganzás, os integrantes estão entre os principais responsáveis pela continuidade das tradições do litoral Sul de João Pessoa. Na região do Engenho Velho e proximidades, além do coco e cirandas tradicionais, é conhecida a existência de quadrilhas juninas locais. O grupo gravou um CD recentemente, repleto de cocos e cirandas, muitas das quais de autoria própria.


Confira abaixo a programação completa deste final de semana:


SEXTA-FEIRA (30/09)


-Bairro dos Ipês (Praça Coriolano Coutinho) – 19h

Marianne Gypsy (música)

- Varadouro (Praça Antenor Navarro) – 22h

Banda Gauche (música)

- Rangel (Praça da Amizade) – 18h

Afoxé Ya Sobha (cultura popular)

- Bancários (Praça da Paz) – 19h

Banda Bárbara (música)

- Mangabeira (Praça Coqueiral) – 19h

Nau Catarineta Feminina (cultura popular)

- Tambaú (Feirinha de Tambaú) – 19h

Penha Cirandeira (cultura popular)

- Manaíra (Praça do Skate) – 19h

Banda Divina Comédia Humana (música)

- Cidade Verde (Praça João Balula) – 19h

Cirandeiro do Vale do Gramame (cultura popular)


SÁBADO (1º de outubro)


- Castelo Branco (Praça da Cultura) – 19h

Baixinho do Pandeiro (cultura popular)

- Manaíra (Praça Alcides Carneiro) – 17h

Cavalo Marinho Infantil (cultura popular)

- Bessa (Praça do Caju) – 19h

Êxodus Reggar Band (música)

- Padre Zé (Praça da Conquista) – 19h

Trio Agudos do Forró (música)

- Funcionários I (Praça Lauro Wanderley) – 19h

Despertando para a Eco Cidadania (música)

- Jaguaribe (Praça Aquiles Leal) – 20h

Flor de Macambira (teatro)

- Funcionários II (Praça Bela) – 19h

Mac Belo (teatro)

- Conjunto Residencial Gervásio Maia (Praça da Esperança) – 19h

Escola de Capoeira Afro Nagô (cultura popular)

- Valentina (Praça Soares Madruga) – 19h

Banda Mega Show (música)

- Alto do Mateus (Praça da Mangeura) – 17h

Tribal Brasil (dança)

- Estação Ciência (teatro de arena) – 17h

Allem Circo (circo)

__________

Fonte: http://www.portalcodisma.com.br/?p=8482


ESPORRO Leonardo Panço



Em seu terceiro livro, Esporro (Tamborete, 2011), Leonardo Panço fala dos anos que viveu intensamente no rock underground do começo dos anos 90 no Rio de Janeiro. Anos de guitarras altas, pessoas peladas, loucuras e muito barulho. Esporro é sobre as esperanças da juventude, cair na estrada, tocar, compor e viver o sonho do rock com alguns amigos.

Em João Pessoa, Esporro será lançado no dia 18 de outubro (terça-feira), às 19:00, na loja mais rock and roll da cidade, a Música Urbana: Rua Visconde de Pelotas, 138-B, Centro. O evento é aberto ao público!
__________

Veja mais sobre o livro, leia um trecho, etc, em sua página no Facebook: http://www.facebook.com/note.php?note_id=10150262038957187 Também no Portal Rock Press: http://portalrockpress.com.br/modules.php?name=News&file=article&sid=4639
Os informes acima, no primeiro parágrafo, salvas as modificações, foram recolhidos em: http://vimeo.com/27031407 Aí também há um vídeo release sobre o livro. Clica logo, negada.



segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Festival MPBeco volta em sua sexta edição

Três noites dedicadas aos compositores potiguares e palco será instalado na Praça 7 de Setembro, Centro de Natal. A festa terá entrada gratuita.



A sexta edição do Festival de Música do Beco da Lama – VI MPBeco – colocará novamente os holofotes direcionados aos compositores potiguares. A primeira eliminatória da competição será neste sábado (1). O palco será instalado no mesmo endereço das edições passadas: Praça 7 de Setembro, Centro de Natal. A festa terá entrada gratuita.
Uma banca formada pelo músico Mirabô Dantas, a musicista e poeta Michele Ferret, e o músico e jornalista Moisés de Lima selecionou 24 concorrentes para participar do certame. O grupo apreciou 285 composições, resultantes de 139 inscrições de todo o estado.
Duas eliminatórias, a serem realizadas nos dias 1º e 8 de outubro, irão definir os 10 finalistas – cinco concorrentes para cada dia do evento. Cada eliminatória irá contar com a apresentação de 12 candidatos. A grande final será em 15 de outubro.
De acordo com um dos produtores do MPBeco, Dorian Lima, uma mesma banca julgadora formada de cinco pessoas será responsável pela escolha dos finalistas, nas duas etapas eliminatórias. Durante a final, outra banca será formada, com cinco pessoas diferentes, para selecionar os vencedores do festival de música.
“A comissão será formada por músicos, compositores, cantores e pessoas da área. A disputa será acirrada, pois o nível dos 24 concorrentes é muito alto”, disse. Somente potiguares ou aqueles que residem no RN há pelo menos dois anos puderam concorrer.
Além dos seis prêmios já concedidos em outras edições, esse ano há uma novidade na premiação.
A música primeira colocada (Prêmio Nazir Canan) receberá o valor de R$3.600; a música segunda colocada (Prêmio Newton Navarro) receberá R$2.900; já a música terceira colocada (PrÊmio Celso da Silveira (R$2.300). O Prêmio Maestro Mainha de Melhor Arranjo Musical e o Prêmio Bosco Lopes de Melhor Intérprete do Festival concederá aos vencedores R$1.800, cada. O Prêmio Elino Julião (voto popular) é de R$2.600. O compositor agraciado com o Prêmio Nazir Canan levará também o Prêmio Arte Musical (um violão da marca Di Giorgio).

Shows nacionais

As noites de festas do MPBeco incluem também apresentações de artistas nacionais, que, entretanto, não participam da competição, mas serão responsáveis pelos shows de abertura e encerramento.
A primeira eliminatória terá show de abertura da cantora potiguar Cida Lobo. O encerramento será com o cantor pernambucano Lirinha, ex-vocalista da banda “Cordel do Fogo Encantado”. Lirinha fará o lançamento nacional de seu primeiro CD solo.
Já a segunda eliminatória, dia 08, começa com apresentação da banda potiguar Dosouto e será encerrada pelo cantor pernambucano Escurinho.
Na esperada noite da final, o Festival realiza a tradição de abrir espaço para o vencedor da edição anterior. O cantor Maguinho da Silva (1º lugar em 2010) apresentará o CD “E o pior qu’isso tudo não é ficção…”, acompanhado pela malassomBROSband. A banda cearense Cidadão Instigado finaliza a programação da noite final.

Ordem de apresentação dos competidores (escolhida por sorteio):

Sábado 01/10:

O Cotidiano
Autor: SaintClair
(Natal/RN)

Alice
Autor: Max Soul
(Natal/RN)

Liberdade Vigiada
Autores: Abel Melo e Leandro Levy
(São Paulo do Potengi/RN)

As Barbas da Mãe
Autores: Rafael Novais / Eduardo Borges / Rafael Melo / Weslley Xavier
(Povoado Mata Verde / Macaíba/RN)

Festa na Vila
Autor: João Henrique Koerig
(Natal/RN)

Tico-Tico
Autor: Caio Padilha
(Natal/RN)

Jurubebas Queen
Autor: Artur Soares
(Mossoró/RN)

Do Alto do Palato
Autora: Rani
(Natal/RN)

Árido Blues
Autor: Zoroaster Cavalcanti de Medeiros
(Natal/RN)

Solidão Avulsa
Autores: Pedras Leão e Maria Di Lia
(Natal/RN)

O Trovão e O Passarinho
Autores: Nagério / Carlos Bem / Franklin Mário
(Natal/RN)

Algumas Verdades Sobre a Mentira
Autores: Simona Talma e Romildo Soares
(Natal/RN)

Sábado 08/10:

Xote Americano
Autores: Joana Medeiros e Batista Araújo
(Natal/RN)

O Retrato de Madame K
Autor: Gabriel Leopoldino Paulo de Medeiros
(Natal/RN)

Depois
Autor: Yrahn Barreto
(São Gonçalo do Amarante/RN)

Bar das Bandeiras
Autores: Wigder Valle e José Gaudêncio Torquato
(Natal/RN)

Canto do Concliz
Autor: Popola de Natal
(Natal/RN)

Homens Lunares
Autores: Luciana Barros e Fábio Rocha
(Natal/RN)

Overdose de Samba
Autor: Heriberto Pedro da Silva (Zorro)
(Natal/RN)

Blues do Desespero
Autor: Antônio Carlos Spinelli
(Natal/RN)

Apenas um Blues
Autor: Lindenberg Mariano
(Natal/RN)

Tango do Hospício Encantado
Autores: Franklyn Nogvaes e Antônio Ronaldo
(Natal/RN)

Amor Bandido
Autor: MC Priguissa
(Natal/RN)

Chuva de Alexandria
Autor: Breno Z
(Natal/RN)

_________

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Festival Aldeia Sesc acontece até domingo em João Pessoa

Quarta, 21 de Setembro de 2011 10h54
da redação do Jornal O Norte.com.br

A programação teatral do Festival Aldeia Sesc 2011 começou na terça-feira, dia 20 e prossegue até domingo, dia 25. Serão mais de vinte espetáculos, incluindo performances de danças folclóricas. Participam da mostra grupos do Rio de Janeiro, São Paulo, Pernambuco e Sergipe, além de grupos paraibanos. As apresentações acontecem sempre à noite, na Sede do Serviço Social do Comércio, na Rua Desembargador Souto Maior, 281, Centro de João Pessoa.

A programação inclui ainda exibição de filmes no miniauditório e realização de oficinas de produção audiovisual, teatro de rua, elaboração de textos teatrais, dentre outras. Nesta quarta-feira, dia 21, serão abertas as exposições “Na Multidão”, criação do artista plástico Adriano Bezerra, no hall da Área de Lazer, e “Reformatório”, dos artistas Netto Ribeiro, Helder Nóbrega e Adriano Bezerra, no Espaço Soneca. Também será instalado o Espaço Frida Khalo, com performances dos atores Netto Ribeiro, Edilete Bezerra e Elias de Lima. Todas as atividades oferecidas pelo festival Aldeia Sesc são gratuitas.

Programação:

Quarta-feira, dia 21:

19h - Kitempo (Grupo Raízes)

Local: Área de Lazer

19h40 - Quiprocó

(Grupo Teatral Moitará/RJ)

Local: Arena

20h30 - Desde criança todo mundo dança (Companhia Quebrart)

Local: Palco

21h - A História de um dançarino (Companhia Art Swing)

Local: Palco

21h30 - A farsa do poder

(Companhia Osfodidário)

Local: Arena

22h20 - Clown Bar

(Núcleo de Experimentação

e Estudos do Cômico - NEECO)

Local: Palco

Quinta-feira, dia 22:

19h - Côco de Roda

(Comunidade Quilombola Gurugí)

Local: Palco

19h30 - Com só Ante

(Companhia Sala verde)

Local: Arena

20h20 - Corpo a corpo

(Companhia Os Bambas)

Local: Palco

21h - Tropa de Elite

(grupo Mais Quebradeira)

Local: Palco

21h20 - Anáguas

(Companhia Oxênte)

Local: Arena

22h10 - Acorda Aurora

Local: Palco

Sexta-feira, dia 23:

19h - Curtinas (Companhia dos Truks)

Local: Arena

19h40 - Dois Cânticos e uma

Canção (Companhia Paralelo)

Local: Palco

20h30 - Inter Aja cme dê um verso (Niti Merhej/SP)

Local: Área de Lazer

21h - Grupo Gingado Manhoso

Local: Área de Lazer

21h30 - A Saga de Da Luz

(Companhia Geca)

Local: Arena

22h20 - Flor de Macambira

(Grupo Ser Tão Teatro)

Local: Área de Lazer

Sábado, dia 24:

19h - Rosa Cirandeira

(Grupo Oficina Casa de Cultura)

Local: Arena

19h40 - Maracatu do Bosque Solto (Grupo Águia de Fogo/PE)

Local: Área de Lazer

20h30 - O Mundo tá Virado… (Grupo Imbuaça/SE)

Local: Área de Lazer

21h30 - Pastoril Profano,

Um Verão Circense

(Companhia Paraibana de Cinema)

Local: Palco

Domingo, dia 25:

18h - Centenário de Maria Bonita (Grupo Mulheres do Cangaço)

Local: Palco

18h30 - Bruta Flor (Companhia

de Teatro Lavoura)

Local: Arena

19h30 - Sapateando com artes (Grupo Tap Arretado)

Local: Palco

20h10 - Teatro chamado

Cordel (Grupo Imbuaça/SE)

Local: Área de Lazer

21h10 - Pastoril Profano e

O Maior São João do Mundo (Companhia Paraibana de Comédia)

Local: Palco

terça-feira, 13 de setembro de 2011


Nesta SEXTA, 16 de Setembro, dentro da programação do Circuito Cultural das Praças: Madalena Moog, 22:00, na Praça Antenor Navarro (Centro Histórico) | Realização: FUNJOPE. Evento GRATUITO.